À l’affiche

Os ultimos filmes que vi. Quem tem indicacoes ?

 

 

choke1

Choke. Baseado no livro do escritor de Clube da Luta, Chuck Palahniuk. Esperava um filmao, o livro é bom demais e tinha Sam Rockwell. E foi ele quem salvou um pouco a presepada do roteirista e do diretor. Tem cenas otimas, hilarias, mas acho que o diretor ficou com medo de repetir o visual de David Fincher em Clube da Luta. Resultado: uma bosta!

 

 

synecdoche

Synecdoche, NY. O melhor filme disparado que eu vi ano passado. Charlie Kauffman é um gênio, o cara fez Quero Ser John Malcovich, depois Adaptaçao e depois Brilho Eterno de uma mente sem lembranças. É tao foda esse filme que nao da nem pra fazer resuminho, tem que ver e pirar.

 

 

rocknrolla

Rock n’ Rolla. Gosto pra cacete do Guy Ritchie, mas tinha detestado os seus ultimos 2 filmes. Mas um cara que havia escrito e dirigido 2 Canos… e Snacth nao podia decepcionar mais uma vez. Mandou muito bem neste filme, mas mais pela camera do que pela historia. Achei o final meio bobo. Mas gostei bastante. A cena do russo correndo atras do Gerard Butter é foda!

 

 

watchmen

Watchmen. Fui ver no IMAX, tinha lido o graphic novel e ainda duvidava se eu tinha gostado mesmo. Até faltei no trabalho este dia e fui numa 2a, num horario esquecido no meio da tarde. O filme adaptou fielmente. Mas o melhor foi a trilha sonora, excelente. Filme de heroi para adulto. Mas minhas duvidas continuam, nao sei se gosto do final, seja do gibi, seja do filme.

 

 

lars-and-the-real-girl

Lars and the real girl. Ryan Gosling sempre escolhe bem os seus papéis, fez Half Nelson e foi indicado ao Oscar pelo papel do professor frustado viciado em drogas. Lars and the real gril é outra pérola do ator. Resumindo: um cara solitario, timido compra uma real doll e começa a ter uma relaçao como se a boneca fosse uma pessoa real. E o mais legal é como a cidade recebe a nova habitante.

 

 

one-week

One Week. Acabou de estrear aqui nos cinemas, é um filme feito por um canadense para o canadense. Mas descobri quantas coisas bonitas o pais aqui tem. A historia parece banal, o cara descobre um cancer terminal e tem 1 semana para aproveitar a vida. É ai que ele parte para uma viagem para o Leste do Canada e redescobre varias coisas. Joshua Jackson, que faz o seriado The Fringe do J.J Abrams estrela o filme. 

2 Responses to “À l’affiche”

  1. luciana zacchi Says:

    to pensando nos ultimos filmes que assisti… pra ver se tinha algum outro interessante. gostei muito de “o leitor”, que vi semanas atrás lá no brasil. filme sensivel, bonito, dá uma outra visão sobre os nazistas (alguns) -apesar de ja ter visto criticas super negativas dizendo que não há perdão pelo que foi feito. eu concordo, mas não acho que o filme tenha essa pretenção…
    dizem que o livro é sensacional… vale muito a pena.

    tambem adorei ‘vicky cristina barcelona’. woody allen quase nunca me decepciona…

    e vi um filme no avião voltando pra cá que gostei médio – ‘il y a longtemps que je t’aime’. escolhi porque fazia tempo que ia na videotron e o pegava na mão, mas acabava alugando outro. tambem o escolhi para ver se ainda conseguia entender algo de frances depois da minha imersão no português.
    achei o filme um pouco parado, até tudo bem. e achei os “porques” um pouco rasos demais. mas não vou além caso alguem queira ver…

  2. Synedoche é sensacional! Vi na Mostra ano passado e achei muito bom. Preciso ver de novo para absorver tudo, já que é muita informação.
    O Choke eu tbm vi na Mostra e achei ok, não é um Clube da Luta mas diverte.

    Vc já viu o Slumdog Millionaire, Guga? Eu gostei bastante…

    Abraço!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: